sábado, 10 de março de 2012

Inércia do poder.

"Os homens são guiados pelas suas paixões", já dizia um importante filósofo da política.

Pode-se afirmar que durante a existência, cada um vive ou armazena em seu inconsciente muitas paixões. Alguns indivíduos tem como a maior de sua vida o trabalho, os estudos e outros ainda, depositam este sentimento em uma pessoa.

No entanto, é possível a análise numa escala global, a partir dos determinantes que rumaram a sociedade para a presente direção tendo-se em vista que a paixão que norteia a história da humanidade é o poder. Em sua busca sob seu próprio ambiente, nas sociedades pré-históricas,os habitantes procuravam dominar os animais que iriam caçar e o clima para melhor se instalarem e desenvolverem no local visando seu bem estar, bem como nos dias atuais quando pessoas são submissas de seu soberano em troca de um suposta segurança, e guerras pelo domínio e predomínio de um sistema político são travadas.

Numa escala mais micro, notam-se os padrões de estética do bonito, feio, certo e errado , ditadas para serem seguidas através, principalmente, de exposições midiáticas.
"É para que tudo siga seu fluxo e ordem, como deve ser o desenvolvimento de um país, um país de todos." - é o que diriam muitos cidadãos programados pelo governo e mídia para visarem o futuro como algo já pré-formatado, seguro e cômodo.

E perde-se então, o benefício da dúvida. O benefício do questionamento.
Deve-se questionar de início onde está a ordem, e onde está o progresso. Ambos só serão visíveis no plano externo, se estiverem primeiro dentro do próprio interior de cada vida.

Ao menos, uma coisa é certa : se há insatisfação com algum poder exercido sob cada pessoa, seja ele do âmbito governamental, social, ou ainda da inércia ideológica já imposta como forma de adestramento, algum desserviço consta nessa lógica. O que realmente mudaria o seu mundo, o nosso mundo? antes é necessário saber:

Qual é a paixão que te move?



3 comentários:

  1. No texto você cita 'poder', 'comodismo' e 'Amor( quando fala "Alguns indivíduos...depositam este sentimento em outra pessoa."). Se você considerar:
    'Poder': como uma forma de ter algo/alguém sobre SEU controle;
    'Comodismo':como meios para que as coisas sejam mais fáceis/confortáveis para VOCÊ fazer;
    'Amor': como ter alguém que TE ame como VOCÊ espera;

    nós teremos que no fim tudo deriva do individualismo no qual estamos imersos desde que se formaram os primeiros grupo 'socias'( quando temos mais evidente o conceito de propriedade (algo meu e de mais ninguém - o que gera competitividade), ou talvez até antes.

    Desse ângulo temos que o nosso problema maior[quando digo nosso, falo dos ditos 'seres humanos: animais racionais(um mais do que o outro)] é o crescente( e de certa forma inerente)egoísmo, que faz com que muitos de nós acreditemos que somos o centro do Universo ( aí mesmo já se encontra um misto de egoísmo e tolice, por acreditar que sua presença possa ser considerada em relação ao 'TODO' no qual se encontra).

    É esse tipo de pensamento que , por exemplo, nos fez pensar que seria impossível o Comunismo ou mesmo a Anarquia, pois já estamos 'amestrados' a pensar que sempre deve haver alguém à frente e outros atrás e outros mais atrás ( ou acima, abaixo e mais abaixo, em termos sociais/econômicos).

    Ter paixões, concordo, é o que nos move, a motivação é sim o que nos torna fortes e persistentes,mas o egoísmo é o que destrói a beleza de tudo aquilo que julgamos( até aí somos egoístas)certo.

    É preciso pensar nas consequências do que se faz, não só para si, mas para as pessoas ao seu redor, e não só para aquelas que se tem alguma afeição, também às que sequer se conhece e é preciso fugir aos excessos, pois como dizia Paracelsus, 'Não existe nada mortal, o que mata é a dose'.

    Dito isso( embora demasiado prolongado), pode-se julgar o meu discurso como idealizado, 'viajado' entre outros nomes, mas é nisso que me baseio. Claro, estou bem longe de estar perfeitamente dentro do que descrevi, mas o que escrevi é o que responde a pergunta proposta, é o meu jeito de viver, sendo capaz de ajudar a quem for possível.

    ResponderExcluir
  2. gostei muito do blog!! parabéns...
    mirelymelo.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...